Aeroclube de Ibitinga 

Formando desde 1941

O Aeroclube de Ibitinga foi fundado em 27 de abril de 1941, por incentivo do governo Getúlio Vargas, através da CNA – Campanha Nacional da Aviação, também chamada de “Dêem Asas ao Brasil”, idealizado pelo jornalista Assis Chateaubriand.

Em 1963, o Aeroclube passou a formar pilotos contratando como instrutor o comandante Rolim Amaro, sendo este o seu primeiro emprego na aviação antes de se tornar ícone brasileiro.

Em 1968, com o advento da construção da represa hidrelétrica da CESP, tornou-se necessária a construção de um aeródromo que possuísse capacidade de recepção das aeronaves que transportavam os equipamentos empregados na geração da energia elétrica.

Nessa época, o aeroclube possuía uma pequena pista de grama, e o então prefeito João Paulo Bocca reuniu a Câmara Municipal, numa sessão extraordinária, e em 24 horas comprou parte da Fazenda Marinho Salles, entregando o terreno a TENCO, empresa terceirizada da CESP. Em pouco tempo a construção foi concluída e entregue ao município, passando a ser na época o terceiro maior aeródromo do Estado de São Paulo, onde recebia aviões com até 70 passageiros. Infelizmente, após esse período de ascensão o aeroclube passou por dificuldades, ficando um longo período inativo. Retornando suas atividades em 1989, onde recebeu do governo um avião Aero Boero 115.

Em meados de 1993, os coordenadores receberam a proposta de instalar uma oficina especializada em aeronaves agrícolas na propriedade.  Oportunidade de dar um novo rumo a historia do aeroclube, criando a IMAER – Ibitinga Manutenção de Aeronaves Ltda.

Com as novas atividades, o Aeroclube alavancou novamente, oferecendo cursos de PP (Piloto Privado), PC (Piloto Comercial), INVA (Instrutor de Voo) e IFRA (Instrução por instrumento), alcançando espaço e destaque no mercado aeronáutico.

O ano de 2014 foi de conquistas para o aeroclube, que obteve a homologação junto a ANAC e do MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) e autorização para ministrar o curso de Piloto Agrícola. Com recursos fornecidos através do governo do Estado o Aeroclube realizou obras de balizamento melhorando a infraestrutura da entidade.

Hoje, o Aeroclube tem sido reconhecido no cenário nacional, conquistando alunos dos quatro cantos do País, por ministrar, de maneira eficaz e responsável, sua prestação de serviço, respeitando de forma ética alunos, instrutores e a sociedade.